SEO para e-commerce: dicas essenciais para você começar agora!

Entenda como as estratégias de SEO podem ajudar a sua loja virtual a ser encontrada

Hoje vou te contar uma história sobre estratégia, entrega e claro, um relacionamento feliz. Para desenrolar, vou apresentar os personagens do nosso conto:

  • Google
  • Seu conteúdo
  • Sua loja
  • Seu produto
  • Seu público

Essa história trata-se de um produto, dentro de uma loja virtual, que merece ser encontrado pelo público e, através de conteúdos será rankeado no Google para enfim, aparecer e ser comprado 😀

O que significa SEO?

O SEO (Search Engine Optimization) ou Otimização para mecanismos de busca, em português, é um conjunto de técnicas para que você seja encontrado nos buscadores, ser elencado de forma orgânica e, sem custo de mídia!

Essas técnicas não são imutáveis ou seja, frequentemente os algoritmos são modificados ou reestruturados para que possamos entregar novidades aos nossos clientes. No começo, por exemplo, o SEO era apenas trabalhado com palavras chaves e, hoje, já possui centenas de algoritmos, tais como: conteúdo escrito, análise de imagens, tempo de carregamento do site e muito mais…

Dicas básicas para você começar a trabalhar o SEO no seu e-commerce

Para que o seu relacionamento seja estreitado com o cliente, ele te encontre ao fazer pesquisas no Google e tenha uma experiência agradável dentro da sua loja virtual, você precisa trabalhar com SEO.

DICA 01: Meta Keywords

Se você está buscando algo na internet para comprar ou contratar, normalmente o faz em um buscador como o Google, certo? Então vamos trabalhar com esse roteiro. Seu cliente está buscando o que você tem a oferecer e nesse momento está no Google fazendo sua pesquisa.

Vamos supor que você venda caneca e é exatamente isso que o cliente está buscando. Então seu site precisa estar preparado para ser encontrado através dessa palavra-chave. Para isso, temos algumas técnicas:

Head Tail ou Cauda curta: Palavras com cauda curta são aquelas que possuem apenas o nome do produto sem maiores informações:

Exemplo: Caneca

Se o cliente somente busca “caneca” no Google, ele ainda está no começo de sua pesquisa, ainda não amadureceu o modelo que quer, a marca, o material e etc.

Long tail ou Cauda longa: Palavras com cauda longa são aquelas que possuem o nome do produto e mais informações:

Exemplo: Caneca de porcelana personalizável 200ml

Normalmente as palavras de cauda curta geram mais cliques, mais tráfego, mas nem sempre o cliente está amadurecido para compreender o seu produto. Deste modo, pode ser que ele saia do seu site e a sua taxa de rejeição cresça, o que não é nada legal, né?

O ideal mesmo é que seu cliente o ache através das palavras de cauda longa, já que expõe que você possui caneca de porcelana e que ela é personalizável. Trabalhe dos dois modos e eduque o seu público demonstrando sua variedade.

DICA 02 – Meta Title

Agora que você já sabe algumas palavras-chaves e sabe diferenciar cauda curta com cauda longa, será necessário você inseri-las em suas páginas através dos títulos das páginas.

O título (tag <title>) é uma das dicas mais eficientes para o SEO, a palavra-chave descoberta acima precisa conter nele.

DICA 03 – Heading tags

Conhecidas como <h1>, <h2>, <h3>, <h4> etc., são tags para identificação da hierarquia entre os títulos da página.

O h1 geralmente leva o mesmo que consta no texto do título. Já os próximos te dão a oportunidade de destacar outras características do produto.

Exemplo:

h1: Caneca de porcelana personalizável 200ml
h2: Canecas de personagens
h3: Canecas da Minnie

DICA 04: Meta Description

Esta é a descrição do seu produto, ela que acompanha o título da página nas buscas do Google.

Esse conteúdo é muito importante para você se tornar cada vez mais relevante, trata-se de um pequeno anúncio da sua página. Vá além dos produtos, fale também sobre as categorias.

Não se esqueça de usar na Meta Description a sua palavra-chave, ela aparecerá em negrito na busca do Google:

Exemplo:

Dica importante: Seu texto deve possuir no máximo 160 caracteres, que é exatamente esse espaço acima.

DICA 05: Imagens

A otimização das suas imagens é um item muito relevante para o SEO, afinal, são elas que vendem o seu produto, certo? Se ela não estiver em alta qualidade, o cliente pode nem ler o descritivo. Reduza também o tamanho delas, isso pode influenciar na performance do seu site e, além dessas dicas é ideal que você faça uma descrição informativa, o Google é ninja e pode captar suas informações e deixá-las visíveis.

Outra dica é salvar seus arquivos de forma clara, nomes como IMAGE 0001, podem não ser identificados de forma clara em buscas no Google, já nomes como CANECA-PERSONALIZAVEL-MINNIE-200-ML já ajudam na busca do seu cliente.

Utilize palavras-chave, hífen (-) ao invés de underline (_) e não utilize acentos.

DICA 06: URL amigável

Prefira sempre uma estrutura de URL onde o cliente consiga compreender as informações e o Google também coloque seu produto na hora da busca.

Exemplo: seusite.com.br/caneca-de-porcelana-personalizavel-200-ml

DICA 07: Descrição dos produtos

Agora que você já sabe como cadastrar um produto de forma correta, já colocou uma meta description com palavras-chave, trabalhou títulos, heading tags, salvou imagens com os nomes ideais e sua URL está amigável, chegou a hora de fazer uma descrição caprichada em seus produtos.

Mais uma vez, é interessante que você coloque suas palavras chaves na descrição e, criar um conteúdo relevante é o que vai fazer você se diferenciar.

Fuja dos textos padrões dos seus fornecedores ou até mesmo encontrados na internet, isso vai fazer com que o Google duplique ou até mesmo triplique este conteúdo na internet e não conseguirá encontrar qual é mais relevante. Deste modo, crie o seu, use as palavras-chave e saia na frente!

Gostou das dicas? Então comenta aqui e compartilhe com seus amigos

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Chegou sua hora de crescer sem limites

Avalie por 10 dias grátis.